Mosteiro de Sanfins de Friestas

Com características do chamado Românico do Alto Minho, e influência galega, o Mosteiro de Sanfins de Friestas sobressai na paisagem onde se insere, com as suas dependências monacais de estrutura e fenestração setecentista.

Destaca-se ainda a Igreja Românica que remonta ao ano de 604 depois de Cristo, com alterações posteriores. A norte e a nascente da igreja e em volta de um pátio subsistem as ruínas do mosteiro beneditino de dois pisos, assim como de um aqueduto e pequenos anexos. No primeiro nível subsistem arcadas lavradas em granito e alguns interiores com abóbadas. Parte do pequeno claustro tem características do séc. XVI e o segundo nível apresenta já características setecentistas.

Neste Mosteiro viveu algum tempo São Francisco de Borja (1510 – 1572), da Companhia de Jesus.

A área a afetar a uso turístico é a totalidade das edificações, com exceção da Igreja.

O modelo jurídico é o de concessão.

Concelho: 
Valença
Envolvente: 
Encontra-se envolvido por uma monumental mata de Carvalhos a 200 metros de altitude, disfrutando de amplas vistas sobre o Vale do Rio Minho.
Categoria de proteção: 
Monumento Nacional
Técnico Responsável: 
Fernando Teixeira

Clique para ver imagens imóvel

Localização: